Guerra e Paz no Sertão dos Gerais (2007)

O Oeste da Bahia compõe uma região filha do bioma Cerrado, conhecido localmente como Gerais. Depois da fase de apogeu econômico e cultural no início do século XX, essa região vem sofrendo – desde a década de 1970 – fortes conflitos ideológicos quanto ao uso das terras e bens naturais. No caso do município de Correntina, essa guerra de víveres passa desde o processo de grilagem das terras devolutas até a chegada das monoculturas do agronegócio e os problemas ambientais acarretados com essa ocupação. “Guerra e Paz no Sertão dos Gerais” mostra o palco da forte e bela cultura regional, das comunidades tradicionais do Cerrado baiano, em contraponto ao projeto “modernizador”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *